MULHERES TRADUZINDO LITERATURA NO BRASIL NOS SÉCULOS XIX E XX

Maria Eduarda dos Santos Alencar, Rosvitha Friesen Blume

Resumo


A presente pesquisa tem como principal objetivo apresentar a relevante participação de mulheres na prática de tradução literária no Brasil, nos séculos XIX e XX, a fim de comprovar a sua presença na história da tradução literária no País e contribuir para a redução da invisibilidade sofrida por essas, até os dias atuais. Traçamos, para essa finalidade, um percurso da prática tradutória no País e acolhemos as discussões das teorias feministas que analisam de que forma os valores sociais e posições de hierarquia social se relacionam com a tradução. O marco teórico que norteia este estudo desenvolve-se a partir dos estudos de Chamberlain (1998), Bassnett (1992), entre outras, e, quanto à pesquisa das tradutoras, têm grande importância as obras de Muzart (2013) e Coelho (2002), além da procura, em bibliotecas e diversas fontes, pelas traduções.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários
 |  Incluir comentário

Direitos autorais 2016 Ciência & Trópico



Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia